como escrever um artigo

Escrever um bom artigo não é tão simples como parece, demanda algum tempo e planejamento.

Porém o resultado que um bom artigo pode trazer é poderoso, um artigo bem escrito pode render dinheiro por muito tempo, ou trazer muitas oportunidades de negócios para você!

Por isso, dedique-se a planejar melhor seus conteúdos e fazer com que ele seja interessante para quem você está escrevendo!

Antes de começar a compor seu artigo primeiramente pense qual objetivo deste artigo, qual seria a principal finalidade deste conteúdo?

Os objetivos do conteúdo podem ser basicamente de dois tipos

  • Informação
  • Conversão

Eu sei que estou sendo um pouco simplista, mas olhando de forma bem macro, os objetivos são estes mesmo, porém podemos ter subdivisões, por exemplo, o artigo de informação, pode ainda ter como objetivo o engajamento com algum outro conteúdo, pode também fazer com que a pessoa vá para uma página de conversão a posterior.

Já o de conversão, pode ser vários tipos de conversão, pode ser do tipo conversão de em vendas ou leads, ou download de um conteúdo, enfim todas essas ações poderiam ser consideradas conversões!

Ter isso bem definido vai ajudar na sua tarefa na hora de escrever o artigo, e isso ajuda muito mesmo a desenvolver melhor a ideia.

Planejamento de palavras

Depois de decidirmos qual objetivo do nosso artigo, precisamos partir para outra etapa importante, saber se as pessoas tem interesse nesse conteúdo.

De nada vai adiantar você escrever um lindo texto sobre seu dia, se as pessoas não querem saber do seu dia, a não ser que você seja uma pessoa muito famosa, dificilmente as pessoas irão parar para ler este tipo de conteúdo!

Para resolver este problema existem inúmeras ferramentas que podem nos ajudar, existem as ferramentas pagas e as gratuitas.

O próprio Google pode nos fornecer algumas ideias interessantes, o próprio autocomplete do Google e suas sugestões de pesquisa podem ser bem úteis se você quer agilidade!

Com base nessas sugestões você já pode escrever algo, pois se o Google está dando essas sugestões é por que existem pessoas pesquisando por isso com certa frequência!

Uma das coisas mais importantes é você saber que está causando algum tipo de emoção no leitor ou respondendo alguma dúvida dele!

Outra ferramenta que pode ajudar é o Google Trends, esta ferramenta é muito util para você saber o que está bombando na Internet e ainda entender sazonalidades ou tendências.

Quando você pesquisa por um termo, você pode visualizar uma curva de tendência, e com ela podemos ver se as pessoas ainda tem interesse sobre aquele assunto, ou descobrir picos de buscas.

Você pode também fazer comparações entre os termos buscados, por exemplo se colocamos dois tipos de modelo de carros, poderemos saber qual deles é mais buscado e qual seria melhor opção para você escrever um artigo.

Se você quer ser mais assertivo, pode utilizar o velho e conhecido planejador de palavras chave.

Para acessar este planejador, basta criar um conta no Google Ads e m seguida acessar o planejador. Através dele você pode ter uma visibilidade maior da quantidade de buscas que as palavras possuem, pode selecionar por localidade (caso tenha um negócio local), e ainda pode ter outras ideias, se você pode exemplo joga uma palavra mais abrangente como:

“Qual melhor curso de …”

Se você coloca um termo como este, vão surgir diversas sugestões na ferramenta, dando possibilidades para você escolher o melhor termo apra escrever seu artigo.

Ao entrarmos nessa etapa a coisa começa a ficar um pouco mais técnica, e não posso continuar essa explicação sem que você as Long Tails (caldas longas) e Short Tails (caulas curtas).

Esses dois tipos de expressões são usados para compreendermos a intenção do usuário e seu estado mental, ao compreendermos isso, podemos saber o que ele está pensando na hora de pesquisar e seremos muito mais assertivos no texto deixando a coisa muito mais interessante!

Vamos  um exemplo:

Melhor restaurante

Qual melhor pizzaria para beber um chopp

Na primeira pesquisa o usuário está apenas fazendo uma pesquisa abrangente, com este tipo de pesquisa não vamos conseguir ser muito assertivos no texto, pode ser que ele querida um Sushi, ou pizza, ou rodízio de carnes, fica meio difícil saber.

Já no segundo temos uma bela Long Tail, e com esse tipo de pesquisa nós conseguiremos ir direto ao ponto e resolver o problema do nosso leitor!

Obviamente que para o primeiro termo, teremos muito mais buscas que o segundo, mas isso não importa, o segundo termo será muito mais útil e vamos conseguir ter melhores resultados no mecanismo de busca como na satisfação do usuário, desde que você capriche no texto!

Nem é preciso dizer que o primeiro termo de busca é o da Short Tail e o segundo é uma clássica long tail.

Existe um livro inteiro que trata desse assunto das Long Tails e se você quer se aprofundar sobre este assunto vale a pena a leitura.

Como escrever um bom artigo para Blog?

dicas para fazer um artigo otimizado para SEO

Bom, agora nós iremos partir para a composição do texto, já temos os elementos necessários para começar a escrever.

É interessante dar uma ollhada em outros textos de blogs que tratam deste tema pois podem surgir ideias, e quanto melhor seu texto for com relação aos outros, mas chances você tem de ficar acima deles nos resultados de busca orgânica.

Para isso é importante que o texto seja o mais completo possível, é óbvio que você precisa conhecer seu público e saber se eles gostam de saber os mínimos detalhes ou se basta ser sucinto, isso ai depende muito do público que engloba seu nicho.

Titulo do Artigo

O Título do arquivo precisa conter a palavra chave que você selecionou, isso é fundamental, mas não é tudo, além disso ele precisa ter um pouco de copywriting, para simplificar ele precisa atiçar alguma emoção do Leitor!

Então temos um artigo que fala sobre ganhar dinheiro, não podemos simplemente dizer no título:

Como Ganhar dinheiro

Precisa ser algo melhor, para isso precisamos inserir alguns elementos amais ali, por exemplo:

Como ganhar dinheiro e demitir seu chefe

Olha ficou bem melhor não é, inserimos algo que vai mexer com o emocional de muitas pessoas.

Subtítulos do Artigo

Já nos subtítulos podemos inserir variantes desta primeira palavra, sem tornar o texto enfadonho e parecer uma máquina que está escrevendo, precisamos sempre priorizar a qualidade do texto!

Ao pesquisar outros textos de outros Blogs, você poderá ter muitas ideias interessantes, e na pesquisa que você fez na ferramenta do google poderá também colher muitos insights que poderão ser inseridos no texto.

É importante entender que os subtítulos irão desempenhar um papel importante na composição do texto, e eles são tão importantes quanto o título.

No nosso exemplo nós tínhamos o título “Como ganhar dinheiro e demitir seu chefe”, á no subtítulo podemos usar coisas como:

  1. Como pedir demissão depois de ter acertado a Loteria?
  2. Não esqueça isso na hora de pedir demissão
  3. Fale isso para seu chefe na hora de pedir demissão

Eu não cheguei a pesquisar exatamente se tinham buscas para essas palavras, isso pode ou não ser importante dependendo do seu nicho de atuação, o importante mesmo é tentar juntar as palavras pesquisadas com a qualidade do texto.

Com os exemplos que dei, acredito que você iria conseguir fazer com que o leitor mantivesse o interesse no texto trazendo até certo humor para ele, isso iria garantir mais tempo de leitura no site, iria agradar sue leitos, e com isso o Google iria ver que seu site possui bom conteúdo

Linkagem Interna e externa

Depois de feito tudo isso, precisamos ligar alguns pontos, é muito importante que o leitor não fique apenas numa mensagem, ele precisa navegar no seu site.

Para isso iremos usar alguns links internos em algumas palavras importantes dentro do texto, no exemplo que dei acima, algumas palavras que posso imaginar que teriam neste texto que poderiam ser usadas como linkagem interna.

  • Direto do trabalhador
  • carteira do trabalho
  • carta de demissão

Ou seja, isso pode ser usado para textos pré existentes no site, ou pode dar ideias de nocos textos que seriam interessante adicionar posteriormente, é por isso que fazer um processo de SEO no seu site, ou seja, não com códigos difíceis, basta apenas pensar no seu leitor, e como ele iria interagir com seu artigo e partir para execução, faça com que ele fique no seu site o máximo de tempo possível.

Já os links externos, irão retirar o usuário do seu site, mas não é por isso que estes links são ruins, no nosso exemplo, você poderia deixar um link par um site do governo, ou um video seu no Youtube, isso com certeza iria tornar seu texto ainda mais útil para o leitor.

Não se preocupe com link externos se o teu site tiver conteúdo de valor! Se o conteúdo é bom ele irá voltar certamente.

A única ressalva com relação a links externos é não fazer link para outro site concorrente usando a mesma keyword escolhida, ou seja, se você está escrevendo um artigo que a principal palavra selecionada foi “Como chupar cana e assobia” você não pode usar esta palavra como âncora para seu link apontando para o site do vizinho, do contrário esse seu concorrente sempre ficará um passo à sua frente!

Imagens do Artigo

como criar um bom conteúdo para blogAs imagens são outro fator importante a considerar, um texto sem imagens agradáveis pode ser muito monótono, por isso escolha boas imagens para tornar nosso artigo mais atrativo! 

Não use imagens de baixa qualidade e tenha cuidado com o tamanho dessas imagens, eu falo em relação ao peso da imagem com arquivo o ideal é que você tente deixar ele o mais leve possível.

Imagens que estejam acima de 100 kb podem já ser um problema e deixar sua página bem pesada, principalmente se você usar muitas imagens no texto.

Para melhorar a qualidade e o tamanho das imagens, você pode usar o Photoshop ou outr programa que tenha afinidade, depois disso ainda é possível comprimir as imagens usando sites online de compressão, um dos mais famosos é https://tinypng.com/ existem também plugins dentro do WordPress que irão comprimir essa imagens ou atrasar o carregamento delas como o Lazy Load.

Existe ainda um outro elemento chamado ALT Text, esse texto é um texto alternativo, que é usado para programas de acessibilidade.

Um cego poderá ler seu texto do Blog usando esse tipo de programa, quando ele chegar na parte da imagem o programa vai ler esse texto alternativo.

É importante usar a palavras chaves nesse Alt Text para melhorar o SEO do site, você também pode inserir outras imagens e usar sinônimos da palavra chave nestas imagens. 

Cuidado para não ficar super otimizado para a mesma palavra, então é ideal não ultrapassar mais 2% dessa keyword dentro do texto e nas Alt Text das Imagens!

 

Melhores Hashtags

O uso de Hashtags é essencial para que você consiga mais alcance em suas postagens, sem usar essas palavras chaves especiais, seu alcance fica muito limitado, e vai ser quase impossível que você consiga êxito dentro de sua estratégia digital!

As Hashtags servem para que o Instagram entenda qual conteúdo você está entregando na Plataforma e use estas Hashtags para mostrar seu Post para os usuários, assim, o algoritmo deve levar várias coisas em conta.

Uma das coisas que é levado em conta pelo algoritmo do Instagram é a popularidade dessa Hashtag, se for uma Hashtag muito popular, seu post só vai aparecer se seu perfil for muito famoso.

Sendo assim, é bom não colocar apenas Hashtags super famosos, você precisa equilibrar sua receita, sua fórmula, na verdade existem uma série de receitas milagrosas pela internet.

Mas se fosse assim tão simples e fácil, acredito que ninguém divulgaria, e certamente o algorítimo deve ser muito mais complexo que isso.

Por isso, você pode usar uma regra do tipo 1/3/3  ou 2/3/3, que seria tipo 1 Hashtag super famosa, 3 Hashtags medianas e 3 Hashtags não populares.

As Hashtags super famosas possuem acima de 500k de resultados, as medianas entre 200k e 500k e as não populares abaixo e 200k.

Certamente que dedicar algum tempo estudando as Hashtags traz resultados, porém nada mais importante que ter um bom conteúdo, que engaje com seu publico, sem isso nada adianta ter boas Hashtags!

É possível também fazer a pesquisa para escolher as melhores Hashtags pelo próprio Instagram, se você naõ sabe como fazer isso, basta acessar este tutorial.

Agora vamos as melhores ferramentas para escolher as Hashtags mais usadas de acordo com seu negócio ou de acordo com seu Post

LeetagsLeetags

O Leetags é um ótimo aplicativo que permite a identificação das melhores Hashtags de acordo com seu post.

Basta inserir uma única palavra chave que esteja relacionada à sua publicação, ao fazer isso o Leetags retorna até 30 Hashtags que estão em alta a respeito daquele tema.

É também possível deixar salvo uma listagem com as Hashtags mais usadas por você, facilitando o trabalho todo! 

Uma boa sacada é juntar várias Hashtags por categoria (ou linha editorial), dessa forma fica muito mais fácil achar as Hashtags quando precisar

HashtagfyHashtagfy

O Hashtagfy é uma ferramenta interessante que permite fazer a análise de Hashtags integrando com outras redes sociais como Twitter.

Com essa ferramenta você consegue descobrir quais as Hashtags mais usadas no momento de acordo com seu negócio e ainda monitora as Hashtags que você vem utilizando.

É possível descobrir qual Hashtag é mais usada por País , e ainda saber se ela vem sendo mais usada ao longo de um período, podendo dar uma certa previsibilidade!

AllHashtagsAll Hashtags

Como todas as outras já citadas, o All Hashtags permite descobrir as melhores Hashtags de acordo com seu Business.

Para quem usa o celular para fazer as publicações esse aplicativo pode ser bastante útil pois, ele possui um criador de Hashtags, dessa forma você pode inserir um punhado de palavras chave e em seguida ele insere uma janela ao lado a hashtag em todas as palavras, facilitando o trabalho todo!

Tags finderTags-Finder

O Tags finder é uma excelente alternativa para quem trabalha com negócios locais, pois seu buscador de melhores Hashtags usa sua localização para filtrar essas Hashtags.

Ele também tem uma função interessante que permite localizar 3 hashtags de acordo com com a palavra chave inserida, porém ele faz uma classificação entre as hashtags, relacionadas, semelhantes e combinadas com sua palavra chave.

É também possível pedir para que ele ignore uma Hashtag o qual fica a seu critério a escolha, toda hashtag que contiver aquela palavra será ignorada.

Top-HAshtagsTop Hashtags

O Top Hashtags não possui grandes funcionalidades diferenciadas, mas tem uma certa facilidade no uso. Ele também retorna as Hashtags mais usadas, até 11 Hashtags e além disso, possui um recurso para tranformar palavras em Hashtags.

 

Tag O’maticTag-O’matic

Esse aplicativo possui um diferencial interessante, nele é possível descobrir as melhores Hashtags de acordo com o assunto, através disso você consegue inserir essas Hashtags no seu Post.

Também é possível criar um conta no Tag O'Matic e conectar diretamente com seu Instagram, dessa forma você consegue criar uma lista com as Hashtags que você mais usa.

Tag-ItTag It

O Tag It é bem diferente dos outros, sua principal proposta tem como diferencial segmentar as Hashtags de acordo com assunto criando subtópicos.

Por exemplo, se você atua com Marketing Digital ao selecionar esse segmento, automaticamente o Tag It retorna diversos assuntos relacionados como: copywriting, links patrocinados, SEO etc.

Além disso, ele consegue encontrar as principais Hashtags para seu negócios, tudo baseado em seus posts, mas você não consegue pesquisar pelas palavras chave.

Tags-for-LikesTags for Likes

Este app consegue reunir as Hashtags mais usadas de todo Instagram, e faz uma separação das Hashtags mais usadas de acordo com o segmento também!

Atualmente o Tag For Likes só funciona na versão paga tanto para IOS coo para Android.

TagBlenderTagBlender

E por último temos o TagBlender como o próprio nome sugere, ele conta com um misturador de Hashtags, nele você consegue descobrir as Hashtags mais usadas de acordo com os assuntos mais comentados.

Depois de selecionar estas Hashtags você pode copiar e colar as Hashtags de dentro do Mixer, infelizmente essa ferramenta só está disponível em Inglês!

Vom agora que você já tem disponível as melhores ferramentas para turbinar seu Instagram precisa ter em mente algumas coisas.

Evite exageros, o Instagram tem deixado de dar muito alcance às publicações com excesso de Hashtags, o ideal é usar o mínimo possível, entre 5 e 10 Hashtags no máximo, por isso seja bem criterioso na hora de usar hashtags.

Outra coisa importante é verificar se esta Hashtag por acaso não caiu numa lista negra de Hashtags. Tem muita gente que usa Hashtags de spam para tentar ter mais alcance, e isso tem começado a ser um tiro no pé.

Siga as regras, evite Bots e outras práticas abusivas, principalmente se sua conta for nova. Ultimamente muitos usuários têm experimentado o famigerado ShadowBan, que nada mais é que uma espécie de Lista negra.

Se você cair numa lista negra dessas, terá de ter muito mais cuidado para tentar sair dessa zona de observação.

O atual mercado de Marketing no Brasil vem sofrendo uma incrível mudança disruptiva, o dominio de grandes empresas e a inteligência artificial cada vez mais causando impactos irreversíveis em como vemso o mundo e como encaramos a tecnologia.

Sainda das questões filosóficas de tudo isso, uma dessas mudanças irrefreáveis está impactando o mercado de vendas pela internet, principalmente depois da pandemia que o mundo sofreu. Se você não está na Internet você está fora do jogo.

Atualmente quem não estiver jogando esse jogo, vai estar fora em breve! E você o que tem feito? Se você quer jogar esse jogo, precisa entender como funciona o tráfego pago, e qual o papel do gestor de tráfego nesse cenário complexo!

O que é trafego?

o que é tráfego

Tráfego é o fluxo de pessoas que passa numa determinada área específica, ou seja, se você tem uma loja numa esquina qualquer, existe um fluxo de pessoas que passa naquela rua diariamente, esse fluxo é influenciado devido as lojas que tem nas proximidades, escritórios, meios de transporte e residências no local.

Esse fluxo de pessoas descrito anteriormente está diretamente ligado àquelas variáveis citadas, logo, poderemos concluir que seu tráfego é previsível! Uma loja física neste caso está restrita a estes fatores, se ela quiser expandir seus negócios precisará criar outras lojas ou aumentar seu número de produtos!

Uma loja virtual também possui um tráfego, este tráfego está determinado pelo interesse das pessoas em determinado assunto! Se temos algo que as pessoas pesquisam muito, teremos uma alta demanda por um determinado produto.

Esse estudo hoje pode ser facilmente feito por várias ferramentas de mercado, o Google mesmo oferece uma excelente ferramenta chamada Planejador de palavras chave, através dela podemos verificar o número de pesquisas feitas por uma determinada palavra chave!

Sabendo disso, podemos planejar uma entrega de conteúdo baseada nessas palavras chave através de Artigos em blogs, Posts em redes sociais e email Marketing! As possibilidades são inúmeras, dependendo do conteúdo criado, podemos ter uma tráfego de longo prazo ou um tráfego de curto prazo!

Por isso, é essencial estar criando conteúdo constantemente, as coisas mudam rapidamente, e o tráfego da Internet é muito dinâmico, se você parar de gerar conteúdo, uma hora seu negócio será engolido pelos concorrentes, ou pela falta de interesse naquele tipo de conteúdo!

Por que anunciar nos dias de hoje?

Esse tipo de reflexão sobre o que é tráfego nos leva a outra vertente importante! Isso nos leva a perguntar! Ora… se podemos gerar conteúdo e atrair potenciais clientes, por que precisamos anunciar? Essa é uma boa questão, algumas pessoas preferem criar conteúdo e não anunciar! Este é também conhecido como tráfego orgânico!

O tráfego orgânico tem seus benefícios, ele pode gerar um enorme engajamento e resultados incríveis a médio e longo prazo. Em contrapartida, isso pode demorar muito tempo, é normal que conteúdos levem ao menos 6 meses para começar a dar os primeiros resultados, e isso se feito de forma estratégica, se for feito sem uma estratégia bem definida, poderá nunca dar qualquer resultado.

O tráfego pago, também conhecido como Links patrocinados, pode gerar resultados muito mais rapidamente! Porque ao anunciar você já é visto automaticamente! E com isso pode começar a coletar resultados imediatamente! Mas isso também depende de uma boa estratégia, do contrário poderá estar jogando dinheiro fora! Essa é a importância de ter ou ser um bom gestor de tráfego!

O que faz um gestor de tráfego?

Um gestor de tráfego ou Media Buyer é o profissional responsável por gerir e administrar uma verba mensal determinada por um empresa para ser investida na compra de espaço publicitário em plataformas que possuem um alto tráfego.

As maiores plataformas hoje são o Google, Youtube, Facebook e Instagram, claro que existem outras como Twitter, Tiki Tok, Linkedin Ads etc. No entanto, o foco hoje é nas principais mídias, além de terem um grande volume de tráfego, temos as ferramentas mais sofisticadas para gerir o tráfego da melhor maneira!

Porém o trabalho de um gestor vai muito mais além de simplesmente administrar uma ferramenta, ele deve saber analisar os números e verificar qual melhor caminho a tomar na hora de alterar uma campanha de marketing!

Alguns gestores mais completos, podem até criar estratégias de marketing, criar copys e páginas de vendas, porém, quanto mais complexo foi o negócio, mas será necessário designar pessoas específicas para cada uma destas áreas

Por que um Media Buyer é útil?

O Gestor de tráfego é uma peça chave importante dentro de uma empresa que tenha presença digital. Quanto mais a internet se expandir e criar novos mecanismos de interação com as pessoas , cada vez mais o público ficará preso a o uso de aparelhos conectados.

Por exemplo, até no uso de aplicativos com Waze é possível ver anúncios, quando navegamos no Google Maps, ou até quando estamos pesquisando um termo no Google, mesmo ao conversar com uma pessoa usando o Messenger ou outro aplicativo de voz, você fornece consentimento de uso das plataformas para que usem isso para veicular anúncios até você!

Como trabalhar com tráfego pago?

Comece como afiliado e teste seus conhecimentos

Se você está começando neste mundo do tráfego, talvez seja melhor começar anunciando produtos de afiliados, isso pode ser facilmente feito usando plataformas como Hotmart, Eduzz, Lomadee, existe uma enorme gama de produtos quem podem ser anunciados e que irão fazer você treinar suas habilidades como gestor de tráfego e passar mais tempo manuseando as ferramentas

Procure fazer contatos na sua região

Enquando você vai aprendendo a anunciar e a fazer gestão de tráfego, em paralelo pode ir contactando amigos que tenham negócios, donos de restaurantes, salões de beleza etc. Essas pessoas precisam saber que você sabe como anunciar na internet através de links patrocinados.

Depois quando você estiver mais preparado, estará mais apto para oferecer seu trabalho como gestor de tráfego para este negócios locais!

Atualize-se sempre

Uma coisa super importante é manter-se constantemente em processo de aprendizagem, um gestor de tráfego jamais sabe tudo, sempre há margem para aprender mais e evoluir como profissional!

Mantenha-se ouvindo Podcasts, lendo livros, crie seu conteúdo em redes sociais e blogs (isso também ajuda a evoluir), e faça cursos, invista em você!

Eu só consegui realmente ser um bom gestor de tráfego depois de alguns anos estudando marketing digital, SEO e diversas outras competências que fui adquirindo ao longo de mais de 5 anos trabalhando pela internet!

Qual o salário de um gestor de Tráfego?

qual o salário de um gestor de tráfego

Salário e contrato

O Gestor de tráfego é uma profissão super nova, e a defasagem de profissionais competentes é enorme! Tem muita gente que sabe apertar botões, mas de fato, gerir e fazer um negócio ter lucro é outra coisa totalmente diferente!

Por isso, o salário de um gestor de tráfego pode variar bastante, desde um salário de 500 reais por cliente, até 25 mil reais dependendo do cliente!

Existem diversos modelos de precificação para outras modalidades de negócios digitais, temos por exemplo, lançamentos de produtos, que pagam apenas pelo produto lançado! Ou seja, um curso digital que só abre para vendas 2 ou 3 vezes ao ano.

Lançamentos, são cursos que só abrem para vendas em alguns períodos específicos do ano, neste tipo de trabalho normalmente paga-se u fixo simbólico, que pode variar muito, mais um percentual sobre as vendas do produto, neste último o percentual pode chegar normalmente até 20% sobre as vendas do produto, ou seja, se tivermos 100.000 reais em lucro, o gestor ganhará 20 mil reais por aquele lançamento!

Parcerias são outra modalidade pouquíssimo divulgada, que vale o compartilhamento deste artigo! Uma coisa que acontece bem nos bastidores é quando um gestor de tráfego resolve anunciar um produto que não está vendendo. 

Você pode procurar produtos de afiliados nas plataformas como Hotmart e filtrar por produtos que não estão tendo vendas! Se você conseguir emplacar esse produto, ou seja, isso vai demandar em algumas situações em ajustar a oferta do produto, melhorar a página de vendas, entre outros detalhes, fazer o negócio vender!

Óbvio que isso vai chamar atenção do criador do produto, ele vai querer saber quem é que está vendendo o produto dele, e qual mágica é essa?

Nessa hora você pode oferecer uma parceria, ou seja, montar o negócio dele e deixar tudo no automático, mostrar para o criador do produto, onde ele precisa melhorar e o que ele deve fazer para vender também!

Nesse caso, você pode combinar uma comissão maior pelas vendas, ou até passar a ser parceiro de negócios deste produto!

Como trabalhar com um cliente como gestor de tráfego?

como contratar um gestor de tráfegoAlinhamento de expectativas

Para trabalhar com clientes que possuam uma loja, um restaurante, você vai precisar fazer uma reunião primeiramente com ele, é importante nessa reunião alinhar as expectativas, por que, muitos pensam que basta anunciar e como num passe de mágica tudo irá se resolver.

Mas como sabemos as coisas podem não correr muito bem no início, dependendo do negócio é preciso fazer uma base de clientes antes de fazer a oferta. Em todo caso, se tratando de uma pizzaria, é provável que a loja já tenha uma certa clientela e seja já conhecida no local.

Em todo caso, tendo ou não uma base de clientes forte, é preciso deixar o dono do negócio preparado para eventuais casos de insucesso no início, mas que com ajustes é possível ter excelentes resultados!

Escreva tudo

Uma dica muito importante e que eu demorei para aplicar aqui no meu negócio é saber dizer NÃO! Por isso é ESSENCIAL que você deixe tudo por escrito, o que o cliente está contratando e quais são suas obrigações!

Caso contrário o cliente pode vir a abusar de você, e como você não deixou tudo documentando, será difícil argumentar sem deixar uma pontinha de insatisfação.

Por isso é super importante deixar claro tudo que será feito, quanto mais detalhado será melhor, tanto para se proteger quanto para planejar o que será feito.

Faça uma projeção

Neste alinhamento, de acordo com que será feito é importante traçar algumas metas. Se não tiver metas bem definidas será difícil conseguir avaliar o progresso das ações que foram tomadas!

Deixe seu cliente ciente do que é alcançável, mesmo que ele argumente que o produto é excelente, que possui muitos seguidores, não deixe esses números inflarem suas projeções, muita coisa pode ter acontecido em gestão anteriores nesta empresa que podem influenciar e impactar negativamente suas ações futuras.

Tendo isso em mente, gostaria de fazer um adendo… antes de tudo pesquise tudo que essa empresa já fez na internet, se já usou alguma outra agência digital, quais foram as ações que foram realizadas! Pergunte como anda a situação financeira da empresa e quais expectativas dela para os próximos meses, feito isso você começa esse trabalho muito mais preparado!

TMV - Tempo mínimo viável, o TMV é outro fator importante, trata-se do tempo necessário para poder aplicar o projeto. Tem alguns clientes que vão dizer que pretendem lançar o produto em 15 dias, nesse caso, se você cai na armadilha do cliente fica difícil conseguir ter resultados.

Entendo que você fica um pouco aflito em querer satisfazer a vontade do cliente, e mesmo que se mate de trabalhar o tempo poderá não nem ao menos suficiente para poder deixar o pixel do facebook otimizar o necessário!

Como contratar um gestor de tráfego?

Como pode perceber você já está lendo um artigo de um profissional e poderá me contactar caso queira fazer uma orçamento, ou mesmo tirar alguma dúvida em que eu possa ser útil!

Além de mim, existem agências de Marketing que podem ser úteis… mas lembre-se que eles tem outros clientes e você poderá não ser tão bem cuidado quanto contratar um gestor próprio.

As melhores fontes de pesquisa para encontrar um gestor de tráfego é mesmo no Google ou solicitando indicações de amigos.

Caso esteja querendo contratar um Gestor de Tráfego, você deve antes terem mente que precisa confiar no profissional que está contratando! Como hoje temos uma vasta oferta de conteúdo sobre Marketing na internet, é comum um cliente acreditar que sabe muito sobre este assunto, ainda mais quando ele mesmo já testou alguns anúncios sozinho!

Então dê espaço para que seu Gestor de tráfego trabalhe, pesquise e em segundo: dê a ele todas as informações que ele lhe pedir!

Procure no Google/Sites de Freelancers/Indicações

Melhor formação e curso para Media Buyer de Links Patrocinados

Curso de Media Buyer

O processo de aprendizagem pode ser bem longo e demorado caso você mesmo queira aprender a fazer tráfego, além de que, você de fato só aprende mesmo fazendo.

Eu recomendo que você pense bem antes de decidir o que pretende fazer, se você já tem pouco tempo talvez seja melhor contratar alguém para fazer essa parte para você, vai ser muito mais rápido e rentável. 

Agora se você quer mesmo aprender tráfego para outros fins, os melhores cursos que existem são os cursos online a seguir:

  • Comunidade Sobral de tráfego
  • Conversão Extrema
  • Comunidade Rafael Metring de Tráfego
  • Máquina de tráfego

Existem muitos outros, porém eu conheço estes curso e seus produtores e sei que eles entregam muito valor e dedicação naquilo que estão fazendo!

Onde e como anunciar na Internet

Atualmente temos uma grande variedade de locais e plataformas que permitem criar anúncios, no entanto, as principais plataformas são as que realmente dão melhores resultados, entre eles podemos destacar as seguintescomo e onde anunciar na interent

Google Ads - Rede de pesquisa

O Google Ads é uma plataforma de intenção, o que quero dizer com isso é que o Google pode ser uma das melhores estratégias para seu negócio, pois nele, nós poderemos comprar algumas palavras chave que podem ser mais interessantes para seu negócio.

Se as pessoas normalmente já conhecem seu produto ou serviço, é possível aparecer nos resultados de busca quando este potencial cliente fizer uma busca por 

Facebook Ads

O Facebook Ads pode ser a ferramenta que mais pode trazer resultados dependendo do seu tipo de negócio, isso por que quando anunciamos no facebook podemos atingir pessoas que possam ter interesse no seu serviço mesmo quando elas não estão procurando por isso.

Dependendo da sua oferta, se é um lançamento ou promoção o Facebook Ads pode pegar a pessoa num momento de lazer e fazer com que ela fique sabendo que existe algo novo no mercado, ou que está havendo algum desconto especial.

Depois mesmo que ela não compre na hora, ela poderá pesquisar no Google sobre sua empresa, ou procurar sua oferta e comprar posteriormente.

O Facebook e Instagram, pertencem a mesma companhia, nesse caso, quando anunciamos em uma, automaticamente estaremos anunciando em outra se assim desejarmos!

Google - Rede de Display

A rede de display do Google é onde estão os sites parceiros do Google, ou seja, qualquer pessoa que possui um blog, poderá fazer parte desta rede (desde que atenda os requisitos mínimos de qualidade), e disponibilizar um espaço no site para que o Google coloque ali vários Banners de anunciantes.

É bem possível que você já tenha se deparado com este tipo de anúncio ao navegar em sites pela internet, só não sabia que aquele anúncio fazia parte da rede de display do Google.

A rede de display do Google é uma outra oportunidade de fazer a sua marca alcançar mais pessoas, embora não tenha muita qualidade para vendas, é uma excelente forma de fixar na mente das pessoas sobre sua marca, sobre um evento ou promoção.

Como é muito barato anunciar na rede de pesquisa do Google você poderá aparecer milhares de vezes para muitas pessoas, dando um recado, ou avisando de um evento, isso tudo por um custo muito baixo, e vai massificando aquela mensagem na mente das pessoas.

Google Shopping / Google Merchant Center

O google shopping é bem fácil de visualizar, ele aprece bem no topo das pesuqisas do do Google e normalmente vem com a imagem do produto mas o preço logo abaixo, e não possuem uma descrição de texto.

É um tipo de anúncio bem objetivo que tem por premissa a venda de produtos físicos, é mais usado por e-commcerce!

Campanhas em vídeo

Os vídeos estão cada vez mais tomando conta das plataformas, o Brasileiro em geral gosta muito de ver vídeos, e isso pode ser mesmo algo a se considerar na hora de fazer anúncios, principalmente se verificarmos que boa parte do seu público pode estar muito tempo navegando pelo Youtube.

Nesse caso, é necessário criar um vídeo e publicar ele em algum canal que pretença a sua empresa, este vídeo precisa tem algumas peculiaridades que o gestor de tráfego pode ajudar.

Campanhas de apps

Os aplicativos chegaram mesmo para ficar, e devem tomar conta do cenário futuramente. Cada vez mais teremos novos aplicativos surgindo, e através deles é também possível fazer alguns anúncios marotos!

O legal dos Apps é que você pode atingir seu público no alvo, por exemplo, se você é uma empresa de suplementos, poderá anunciar em App que oferecem dietas e treinos por suas plataformas, bem legal!

Conclusão

É bem comum que numa estratégia de Marketing digital, seja usada mais de uma plataforma para anunciar, pois isso ajuda a fixar a oferta ou mensagem que deseja passar.

Quanto mais presente você estiver, melhores resultados e ROI (Retorno sobre o Investimento), poderá obter dependendo da sua estratégia

Espero que este artigo tenha ajudado a sanar algumas dúvidas sobre o Gestor de tráfego e suas utilidades, não esqueça de deixar aqui seu cometário, e caso precise de alguma informação ou de um gestor de tráfego basta entrar em contato comigo!

 

como fazer a primeira venda pela internet

Para fazer sua primeira venda na Internet você vai precisar primeiro escolher quais canais de divulgação você irá utilizar, pode até usar vários canais diferentes, porém, quanto mais canais você usar mais trabalho isso vai te dar, e de repente é melhor começar usando no máximo 2 canais, eu recomendaria pelo menos incluir o Youtube na sua escolha, as outras fica mais fácil você escolher de acordo seu tipo de negócio.

Os principais canais que temos hoje são:

Site/Blog
Canal Youtube
Instagram
Facebook
Linkedin

Estes são os principais tipos, existem outras plataformas que podem ser usadas também, porém com essas já é possível fazer um bom trabalho.
O que você precisa ter em mente para iniciar seu projeto é ter em mente que ãoi adianta você pegar seu link de afiliado e sair por ai divulgando ele loucamente, e se você não sabe o que é um link de afiliado eu recomendo você assistir este outro vídeo aqui abaixo.

Como vender no Hotmart

Se você simplesmente pega seu link de afiliado e sai colocando ele em todos os grupos de Facebook e comentários do youtube, você não está fazendo isso da maneira correta, pode até ser que você consiga fazer uma ou duas vendas, mas isso não vai fazer diferença financeira na sua vida, ou seja, você não vai criar algo sustentável que te dê de fato uma grana todos os meses.

Para você fazer isso de maneira profissional basta se dedicar diariamente a produzir conteúdo para um ou mais desses canais que foram citados acima.
Então por exemplo, se você toca algum instrumento, comece gravando vídeos tocando algumas músicas ou ensinando alguém a tocar esse instrumento, não se assuste com a concorrência, faça seu trabalho de forma contínua, seja você mesmo e dê o seu melhor, tenho certeza que você vai atrair um público que gosta do seu conteúdo e com isso você terá uma fatia do mercado.

Depois de um tempo, basta divulgar alguns produtos relacionados a esse universo musical ou outros tipos de produtos que esse público pode ter interesse, quero dizer que, só por que o canal é de música que você precisa vender violão o tempo todo, você pode vender camisas de bandas, Livros, palestras, cursos sobre outros assuntos, enfim, o público são pessoas que estão do outro lado da tela e tem diversas necessidades como qualquer outro ser Humano.

Então, para complementar este artigo eu preparei aqui um vídeo bem completo, que vi te ajudar ainda mais, esepro que você curta o vídeo e compartilhe pois vai me ajudar bastante!

como fazer instalação de sites em WordPress

O que acha de aprender tudo sobre instalação de sites em WordPress usando um servidor profissional hein?

Pois então, neste vídeo eu vou te ensinar a forma mais fácil e mais simples com tudo que um site em WordPress necessita para ter uma instalação segura e confiável.

Eu destrincho todas as etapas necessárias para você seguir os passos, são etapas simples que qualquer pessoa que tenha um mínimo de entendimento sobre internet conseguirá fazer.

Se você tem muitas dificuldades com esse tipo de tecnologia talvez seja mais interessante você procurar um profissional que possa lhe ajudar. Se for eu ficarei grato pela preferência, mas existem muitos profissionais competentes que podem ser de grande ajuda.

Instalação de Sites em WordPress

Nessa instalação eu realmente uso técnicas que dificilmente você verá em outros vídeos, é a forma que eu usei para instalar mais de 300 sites, sim eu já configurei centenas de sites usando o WordPress, então eu tenho um pouco de No-hall para falar sobre esse assunto.

No vídeo eu recomendo a Bigscoots, é uma hospedagem para sites bem robustos que possuem muitas visitas diárias, se você está começando não é necessário começar com esse servidor.

Eu recomendo alguns servidores como por exemplo:

Hostmantis

BigScoots

Essas duas hospedagens já tem o suficiente para você começar. a Bigscoots para sites maiores e a Hostmantis para menores.

Basicamente é isso para não complciar demais o assunto, sinceramente eu não sou um cara técnico que conhece todas as tecnologias envolvidas num servidor, meu conhecimento é mais voltado para o Pós-Instalação do site, ou seja, a parte de tráfego orgânico onde as pessoas conseguem chegar no site de forma natural sem necessidade de anúncios.

Outra área que sou especialista é em tráfego pago que é onde atuo hoje em dia, então essa parte de servidor e tudo que um servidor pode oferecer não é minha praia.

Mas eu sei fazer uma instalação bem profissional de wordpress e criar o site, ai pode deixar comigo que não tem erro, isso ai eu sei fazer muito bem!
Bora pra cima e aprenda tudo com esse vídeo